Acesse abaixo as principais publicações realizadas por pesquisadores do GIDs 
Boa leitura!

2020

A importância e significado dos grupos de pesquisa na qualificação do profissional de Geografia: da reflexão dos desafios aos relatos de experiência

Organizador por:

Xisto Souza Júnior

Martha Priscila Bezerra Pereira

Os textos correspondem a relatos de experiências das atividades desenvolvidas por diversos grupos que atuam na área de Geografia em Universidades da Região Nordeste do Brasil assim como relatos de experiências de alunos egressos dos grupos sendo os textos ao mesmo tempo convergentes e divergentes, pois se aproximam na medida em que enfatizam a personalidade criativos individuais que modelam o perfil específico do grupo e se distanciam na estrutura organizacional decorrente da natureza e propósito do grupo tanto para a academia como para a sociedade na qual realiza suas atividades de pesquisa e extensão. No que se refere ao perfil específico os grupos convergem na valorização do espírito de iniciativa, confiança recíproca entre os integrantes, independente da função no grupo, dedicação, flexibilidade, orientação para valorização da criatividade, competitividade com os grupos concorrentes, mas solidariedade com os membros do grupo e, por fim, capacidade organizativa a partir do estímulo a criação de laços afetivos entre os integrantes. Conforme atestado no prefácio redigido pela Profa. Dra Rosa Ester Rossini “a publicação “A importância e significado dos Grupos de Pesquisa na Qualificação do Profissional de Geografia: da reflexão dos desafios aos relatos de experiência” é oportuna e reveladora do mundo das ideias e do conhecimento adquirido em benefício da procura de soluções que não só mostrem a realidade contemporânea como indiquem os caminhos possíveis tanto para a diminuição das desigualdades como para a melhoria da qualidade de vida de todas as pessoas”.

2019

LivroSaude2.jpg

Ambiente e Saúde: pensar, aplicar e agir

"...a presente coletânea congrega uma discussão multinível sobre a dinâmica das dimensões ambientais que condicionam a saúde humana, maioritariamente ampliadas por causas antrópicas às quais se associam a fragilidade de algumas políticas de ordenamento e de gestão territorial. Perante as mudanças ambientais geradas pelos modos de vida e pelos diferentes projetos preconizados para o território, a obra, no seu conjunto, também questiona a qualidade das soluções produzidas pelos poderes públicos no confronto com a complexidade das necessidades evidenciadas a diferentes escalas, sublinhando a importância dos investimentos e das respostas informativas e educativas que devem acompanhar programas de prevenção e de promoção da saúde..."

(Texto retirado do prefácio redigido por Paulo Nossa)

Nesta obra, os professores Xisto Souza Júnior e Martha Pereira publicam um capítulo intitulado: Paisagem, ambiente e desenvolvimento: uma análise geográfica do uso do turismo para promoção da saúde

2018

Conhecimento Geográfico na promoção do turismo como alternativa de desenvolvimento do Estado da Paraiba

April 04, 2018

A obra consiste em uma síntese dos resultados obtidos em uma pesquisa desenvolvida entre os anos de 2013 e 2016 com financiamento do CNPq. A pesquisa surgiu da hipótese de que o problema do turismo no Brasil consiste na concentração desta atividade nos espaços litorâneos em relação aos demais espaços interioranos, especialmente no caso dos municípios da região Nordeste do Brasil.  A pesquisa teve como recorte territorial a análise da produção dos espaços turísticos no Estado da Paraíba. Os resultados obtidos apontaram para a existência de quatro áreas turísticas, das quais uma está consolidada e tem como centro a cidade de João Pessoa; uma está em consolidação, tendo como Centro a cidade de Campina Grande e as outras duas (Patos e Cajazeiras) estão em processo inicial de estruturação. A obra está dividida em duas partes: Repensando os fundamentos para o estudo do turismo e relatos de experiências de pesquisas sobre Geografia do Turismo. A primeira está subdividida em três capítulos. No primeiro é realizada uma revisão teórica sobre os fundamentos para produção do espaço turístico evidenciando parâmetros para criação de uma “ciência da paisagem” na qual o turismo aparece como objeto. No segundo são abordadas questões metodológicas no estudo do espaço turístico, enquanto no terceiro os autores analisam os fatores e elementos que estruturam e associam o turismo como atividade de promoção à saúde. A segunda parte foi escrita por estudantes que participaram como colaboradores do projeto e consiste em relatos de experiência nos quais o turismo é abordado como estratégia de desenvolvimento urbano e regional. Além da produção desta obra, a pesquisa possibilitou a confecção de um vídeo-documentário que subsidiará as futuras políticas de desenvolvimento territorial. A expectativa é de que esta obra atenda diferentes segmentos da sociedade por despertar interesses tantos dos envolvidos diretamente com o turismo quanto aos curiosos com o tema em sua relação com a Geografia

Organizado pelo Prof. Dr. Xisto Souza Júnior

Perspectivas Geográficas da Saúde Humana

April 04, 2018

Os estudos reunidos neste livro demonstram a diversidade de temas, abordagens metodológicas e escalas de análise possível de ser empregada. A geografia da saúde não é só uma geografia sobre questões de saúde, mas também uma ciência aplicada à saúde, constituindo um movimento generoso de oferta de conceitos e métodos para compreender e atuar sobre problemas de saúde.

Organizado Pela Profa. Dra. Martha Priscila Bezerra Pereira

Please reload

GIDsufcg,março de 2020

UNIVERSIDADE FEDERAL DE CAMPINA GRANDE, RUA APRIGIO VELOSO, 882, BAIRRO CIDADE UNIVERSITÁRIA, BLOCO BH, SALA 5

Elaborado por Xisto Souza Jr (999407075(